Um substancioso relatório sobre as melhorias
estruturais necessárias para o bom funcionamento da Escola Cívico-Militar do Instituto Estadual de Educação Oswaldo Aranha está sendo levado de Alegrete pelo subcoordenador do PECIM (Programa das Escolas Cívico-Militares) tenente Eduardo Luiz Miranda que visitou o educandário nesta quarta-feira.
É uma visita de orientação técnica, destacou o tenente Miranda, recolhendo informações sobre assuntos administrativos e documentais. Ele participou de uma formatura realizada no ginásio de esportes do IEEOA e disse de sua satisfação pelo nível de participação do alunado orientado pelo monitor sargento Acosta. Contatou com alguns pais de alunos sobre assuntos ligados à escola cívico-militar . Sobre o uniforme, que será na cor azul, disse o subcoordenador que espera chegar no tempo mais rápido possível. Tudo está encaminhado.
O subcoordenador tenente Miranda fez questão de esclarecer que em qualquer escola cívico-militar ligada ao MEC, quem dirige a escola é o diretor. Numa sessão compartilhada, a ECIM trabalha no sentido dos valores, respeito, cidadania, por uma clientela mais reflexiva na forma de pensar , formando um cidadão crítico.
O diretor Ernesto Viana levou o subcoordenador Miranda a uma turma de quinto ano onde o representante das escolas cívico-militares no Rio Grande do Sul ficou impressionado com o grau de disciplina e postura dos alunos. Sem nada combinado, assim que adentrou na sala onde estava a professora Eliza Domingues e a estagiária Lila Fagundes Lopes, o líder da turma, aluno Benjamin, apresentou-se ao tenente Miranda e, logo após, dirigindo-se à turma, em voz de comando, pediu que se perfilassem para um uníssono boa tarde.
O visitante emocionou-se com o desempenho do grupo e disse aos alunos: “vocês vão se orgulhar mais ainda de estarem na Escola Cívico-Militar. O ensino de vocês será muito valorizado”. No refeitório da Escola acompanhou a merenda dos alunos, conversou com as professoras e, após, tomou um cafezinho na sala de coordenação do Curso Normal.
Colaboração de Alair Almeida

Compartilhar!