O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, confirmou que a liberação de saques de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) será limitado a R$ 500 neste ano. O anúncio oficial está previsto para acontecer nesta quarta-feira (24), em solenidade no Palácio do Planalto, com a presença do presidente Jair Bolsonaro.

Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha, Onyx afirmou que o valor do saque também dependerá dos recursos disponíveis na conta de cada trabalhador.

— O limite é R$ 500, mas terá uma proporção que vai ser apresentada hoje à tarde — disse.

Compartilhar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.