Minuano FM

Notícias de Alegrete e região

Provedor do hospital de Rosário do Sul é afastado por denúncia de desvio de dinheiro

O Ministério Público do Rio Grande do Sul investiga o desvio de dinheiro do Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora, de Rosário do Sul. A Justiça aceitou o pedido do MP e afastou o provedor do hospital depois da denúncia de que um empréstimo, pedido em nome do hospital público, foi quase todo investido em uma cooperativa de arroz da região. Segundo a investigação, Paulo Fernandes fez um empréstimo de R$ 749 mil em nome da instituição, com juros subsidiados pelo governo, mas a maior parte do dinheiro foi para a conta de uma cooperativa. O empréstimo foi feito em 2013 quando o provedor do hospital também era integrante da diretoria da Cooperativa Agroindustrial de Rosariense e o presidente da cooperativa era vice-provedor da instituição. O MP ainda investiga se o dinheiro do hospital foi devolvido ou não, mas já sabe que houve prejuízo. A instituição pagava juros de 1,5% ao mês ao banco, enquanto a cooperativa devolvia com correção de apenas 0,6% de juros, em média. O Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora é o único de Rosário do Sul. Tem mais de 100 leitos e 70 % dos atendimentos são feitos pelos SUS. O atual vice-provedor, que não é alvo das investigações, assumiu a administração da instituição. O provedor afastado, Paulo Fernandes, não quis falar sobre o caso. Ele disse que vai se manifestar apenas em juízo.

Compartilhar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *