ministerio publico

Mesmo com os esclarecimentos técnicos sobre o parecer da Unipampa e o laudo da empresa que fez a análise subaquática, a promotora Júlia Schut, acha necessário uma terceira vistoria na ponte. Ela defende a realização das obras antes da liberação para o tráfego mais pesado.

Ouça em áudio:

Compartilhar!