recadastramento-biometrico-onde-quando-ate-onde-vai

A inovação proporciona mais segurança ao cidadão na hora de votar, uma vez que a identificação do eleitor é feita a partir de suas impressões digitais. A estimativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é que mais de 22 milhões de pessoas utilizem o novo sistema.

 

Confira abaixo a entrevista com a Juiza Lilian Franzmann ao repórter Dariano Moraes:

Compartilhar!