sm

O interrogatório dos réus, uma das fases mais esperadas do principal processo criminal envolvendo o caso da boate Kiss, começa nesta terça-feira, em Santa Maria, e se encerra no dia 3 de dezembro, em Porto Alegre. Esta é a última fase do processo antes da decisão do juiz Ulysses Fonseca Louzada de levar ou não o caso a júri popular. Definição que ficará para o ano que vem.

Réus podem não falar em interrogatório

O primeiro dos acusados que terá a oportunidade de dar a sua versão sobre o que ocorreu na madrugada de 27 de janeiro de 2013 será Marcelo de Jesus dos Santos, 35 anos. Ele era o vocalista da Banda Gurizada Fandangueira, que se apresentava na noite da tragédia. Era ele, segundo a denúncia do Ministério Público (MP), quem segurava o artefato pirotécnico que deu início ao incêndio que resultou na morte de 242 pessoas e deixou mais de 600 feridas.

Por Diário de Santa Maria – Grupo RBS

Compartilhar!