Comissão de Ética da Assembleia aprova cassação do deputado Jardel

jardel

A Comissão de Ética Parlamentar da Assembleia Legislativa aprovou por unanimidade, nesta quarta-feira (8), a cassação do mandato do deputado Mario Jardel (PSD). A punição havia sido indicada pelo relatório da subcomissão formada para apurar as suspeitas contra o ex-jogador.

O processo agora segue para análise da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia. Depois, deverá ser apreciado no plenário por todos os deputados.

Entre os motivos elencados para a cassação por quebra de decoro parlamentar estão “fabricação de diárias”, envolvimento com tráfico de drogas e uso da estrutura legislativa para interesses particulares.

Investigação

O Ministério Público (MP) realizou operação no fim de novembro para apurar irregularidades envolvendo o deputado. Em dezembro, a Corregedoria da Assembleia sugeriu a cassação do parlamentar por quebra de decoro.

Em Alegrete, Jardel teve 84 votos.

Compartilhar!


Comentar com Facebook