Foram identificados os cinco mortos que vinham no ônibus que foi destruído em acidente nesta madrugada na BR-290, em Rio Pardo e que trazia militares para São Gabriel. As vítimas foram os soldados do 9º RCB Lucas Rodrigo Altevogt, Silas Gabriel de Azevedo de Barros, Vinícius Bedra e Wesley da Silva Paulo e o motorista Josuel Vieira, que dirigia o coletivo.
O coletivo, um micro-ônibus da empresa Reck Turismo, foi alugado para a empresa Freitas, que realizava o transporte dos militares que retornavam de Teutônia e Lajeado. Por volta das 00h30, o micro colidiu de frente com um caminhão da BBM que se deslocava para Guaíba e com isso, virou e acabou espalhando a carga de toras de madeira na pista, bloqueando por inteiro a estrada.
Na colisão, um Fox de Cachoeira do Sul também colidiu e causou a morte de uma mulher ainda não identificada. Uma van da empresa Freitas que vinha também transportando militares para São Gabriel junto com o micro, desviou e acabou tombando fora da pista, deixando feridos leves. As causas do acidente ainda serão investigadas e estava se trabalhando para liberar parcialmente a pista.


Reportagem: Marcelo Ribeiro

Compartilhar!