O governador Eduardo Leite, no dia de ontem (13), assinou decreto homologando a situação de emergência no Município em decorrência do temporal ocorrido no mês de outubro que causou danos humanos e materiais em parte das zonas urbana e rural do Município. O decreto, que levou o número 54.866, de 13 de novembro de 2019, atendeu ao parecer da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil e parecer da Coordenadoria Regional de Proteção e Defesa Civil.

Na homologação do decreto, foi levado em conta os relatórios que identificaram danos na zona urbana, atingindo os bairros Airton Senna I e Airton Sena II, Capão do Angico, Nossa Senhora Aparecida, Medianeira, Vila Prado, Nilo Gonçalves, Cidade Alta, Promorar, Progresso, Restinga, Olhos D’Água, Macedo, Assunção, Vila Izabel, Independência, Ulisses Guimarães e Vera Cruz, assim como as localidades da Jararaca, Angico, Rincão do 28, Caverá e Conceição.

Com isso, os órgãos regionais e estaduais do Sistema de Proteção e Defesa Civil ficam autorizados a prestar apoio suplementar ao Município.

Compartilhar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.