patrola

As chuvas castigaram ruas, estradas, imóveis, parques e praças de Alegrete nos últimos dois meses. Em cada intervalo das precipitações, com acumulado que ultrapassa 400 mm, a Secretaria de Infraestrutura volta à campo para recuperar o máximo possível dos locais prejudicados.

“Praticamente toda a infraestrutura do município foi afetada. Essa situação incomoda à todos e, principalmente, à administração. As equipes estão na rua para fazer um trabalho emergencial” garante o secretário Antônio Carlos Calovi. Nas estradas do interior, quatro equipes trabalham nas regiões do Silvestre, Várzea Verde, Corredor da Santa Mônica e assentamentos. O cronograma prevê também Querumana, Durasnal, Corredor dos Bicca, Estrada do Tigre no Jacaquá, Conceição, Guassu-Boi, Rincão do 28, Corredor dos Quinteiros, Estrada do 29, Estrada do Rincão de São Miguel, Cerro da Sepultura, Estrada do Caverá no Catimbau e Buracal, Rincão da Chácara e Mariano Pinto. Segundo o diretor de viação e transporte, Paulo Zielinski, os pontos elencados são os mais urgentes, mas todas as estradas e corredores serão atendidos.

Compartilhar!