A dívida do Rio Grande do Sul chegou a R$ 73 bilhões em 2018. O número foi apresentado na quarta-feira em Porto Alegre, quando o governo do estado lançou o 10º Relatório Anual da Dívida Pública, elaborado pelo Tesouro. O valor é 8,3% maior em relação ao ano anterior. Do total, R$ 63 bilhões(86%) correspondem à dívida com a União, que surge a partir de dois contratos firmados com o governo federal em 1998. Atualmente, o estado deixa de pagar um valor de aproximadamente R$ 300 milhões por mês referente à dívida com a União, com base em uma liminar expedida em 2017 pelo Supremo Tribunal Federal. Segundo o governador Eduardo Leite, se a liminar for derrubada na Justiça, e o estado precisar voltar a pagar a parcela da dívida, o pagamento de servidores e fornecedores ficará comprometido e, consequentemente, os serviços públicos.

Compartilhar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.