As últimas chuvas foram muito esparsas principalmente no interior do município de Alegrete. Em alguns lugares, choveu cerca de 30 milímetros, em outras localidades sequer choveu.

A falta de chuva está baixando rios da região, açudes e barragens estão secando, dificultando a vida no campo. Alguns produtores de leite estão soltando animais  com a diminuição no rendimento das vacas de leite. O pasto está raso e muito seco, trazendo prejuízos para os pequenos produtores, principalmente, que sobrevivem do trabalho no campo.

Em entrevista ao Rota 97, o secretário de Agricultura do município, Daniel Gindri disse que está aguardando apoio do governo federal para auxiliar produtores e que a Defesa Civil está levando água com apoio do Exército em comunidades que estão sem abastecimento devido à seca que é uma das maiores da história.

Para Gindri, a preocupação é de queda na arrecadação dos produtores, principalmente para quem vive de leiteria e de plantações e consequentemente, queda na arrecadação do município.

 

Compartilhar!