bolsa familia

O prazo para o Setor de Cadastro Único (CadÚnico) da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura do Alegrete verificar o cumprimento das condicionalidades do programa Bolsa Família está em andamento. O objetivo da ação é garantir o cumprimento das exigências para o recebimento do benefício.

As condicionalidades são compromissos que devem ser cumpridos pela família, na área de educação, saúde e assistência social, para que possa permanecer recebendo o benefício. As três áreas têm acompanhamentos específicos e a da saúde é a que está recebendo menos atenção dos beneficiários. Crianças de até sete anos e mulheres entre 14 e 45 anos devem buscar as unidades de referência para pesagem e, no caso deste último grupo, também o exame preventivo. Gestantes necessitam da realização do acompanhamento pré-natal.

De acordo com a coordenadora do Programa Bolsa Família, Norma Martins, é necessário que as famílias estejam atentas ao cumprimento das condicionalidades, porque estão sujeitas à perda do benefício. “Se uma das condicionalidades não estiver em dia, mesmo que as outras duas estejam atualizadas, a família pode perder o benefício”, explica.

A data limite para atualização é 21 de dezembro, contudo o setor de Bolsa Família orienta que os responsáveis pelos núcleos familiares procurem o quanto antes as Unidades Básicas de Saúde referência nos bairros onde residem, portando o cartão de acompanhamento. Assim que as exigências forem cumpridas, o responsável deve comparecer ao Setor do Bolsa Família para atualizar o cadastro.

 

Compartilhar!