Audiência Pública proposta pelo Vereador Anilton Oliveira, e aprovada por todos os vereadores, reuniu diretores, professores, servidores e alunos das Instituições Públicas de Ensino Superior de Alegrete, discutiu os reflexos do corte de recursos anunciado pelo governo de Jair Messias Bolsonaro.
A Audiência encerrou os atos do Dia Nacional de Luta em Defesa da Educação que marcou o dia 15 de maio em todo o Brasil.
Os diretores dos campus de Alegrete, Prof. Me. Roberlaine Jorge, da UNIPAMPA e Alexandre Machado, do Instituto Federal Farroupilha, foram taxativos: o corte é alarmante e compromete o funcionamento das Instituições, mas garantiram que, embora com dificuldades, o ano será encerrado.
Após as falas dos integrantes da Mesa, 10 representantes da comunidade acadêmica fizeram manifestações na Tribuna da CMA, marcando suas posições contrárias ao desmonte da educação, expuseram importa projetos desenvolvidos pelas Instituições de Ensino e questionaram de maneira contundente a posição dos legisladores presentes na Audiência.

Compartilhar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.