Temporal causa estragos no interior do estado

Os temporais que atingem o Rio Grande do Sul desde a segunda-feira (11) se intensificaram na madrugada desta terça (12) e causaram estragos em diversas regiões do Estado. No interior gaúcho, o vendo destelhou casas e os altos volume de chuva provocaram alagamentos. A Defesa Civil informou que ainda está levantando números dos estragos. O mau tempo também deixa ao menos 112 mil clientes sem energia elétrica nesta manhã, nas áreas de concessão da RGE e RGE Sul. De acordo com a concessionária, as equipes estão trabalhando para restabelecer a luz, mas a chuva contínua e a alta incidência de raios aumentam a quantidade de clientes atingidos. Novos temporais foram registrados com mais força nas regiões de Sarandi, Passo Fundo, Santo Ângelo e Palmeira das Missões. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alertou ontem (11) para a ocorrência de chuva com a possibilidade de queda de granizo e rajadas de vento entre 60km/h e 90km/h na região Norte, Nordeste e Noroeste do Estado. Nesta manhã de hoje, um morador do município de Ciríaco, no Norte gaúcho, chegou a relatar a ocorrência de ventos tão fortes que poderiam ser um tornado. O Inmet, no entanto, não confirma a ocorrência do fenômeno. Em Porto Alegre, os maiores problemas em decorrência da chuva são percebidos no trânsito. Há diversos pontos com acúmulo de água na pista e semáforos fora de operação. De acordo com a EPTC, não há interdições, somente trânsito carregado. No bairro Belém Novo, uma árvore de grande porte caiu na avenida Heitor Vieira, entre as ruas Cecílio Monza e Carlos Flôres, e a via foi totalmente bloqueada.

Por Jornal do Comércio

Compartilhar!


Comentar com Facebook